Single Blog Title

This is a single blog caption

PSDB articula plano para abandonar Doria e trocar candidato das eleições de 2022, diz colunista

https://br.sputniknews.com/20220211/psdb-articula-plano-para-abandonar-doria-e-trocar-candidato-eleicoes-de-2022-diz-colunista-21354582.html

PSDB articula plano para abandonar Doria e trocar candidato nas eleições de 2022, diz colunista

PSDB articula plano para abandonar Doria e trocar candidato nas eleições de 2022, diz colunista

Uma ala do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) está insatisfeita com a candidatura à presidência do governador de São Paulo, João Doria, e deseja… 11.02.2022, Sputnik Brasil

2022-02-11T01:49-0300

2022-02-11T01:49-0300

2022-02-11T01:57-0300

notícias do brasil

presidência

joão doria

psdb

candidatos

eleições

governador

partido

são paulo

palácio dos bandeirantes

/html/head/meta[@name=’og:title’]/@content

/html/head/meta[@name=’og:description’]/@content

https://cdnnbr1.img.sputniknews.com/img/07e6/02/0b/21354695_0:0:3071:1728_1920x0_80_0_0_c5c70ac23a99d5828b1df63d305336af.jpg

A articulista cita que, neste momento, há uma “conspiração tucana a todo vapor” e que o horizonte eleitoral de Doria “está ficando cada dia mais nebuloso”.Natuza Nery escreve que o plano de seus adversários no partido é esperar o governador deixar o Palácio dos Bandeirantes, em abril, para, então, abandoná-lo.Segundo ela, suas fontes do PSDB afirmam que a ideia é “simplesmente não homologar a candidatura de Doria” à presidência da República na convenção do partido, marcada para julho.De acordo com a colunista, o nome escolhido no partido para substituí-lo na disputa seria o de Eduardo Leite, que perdeu as prévias da sigla para Doria.O governador de São Paulo não emplacou nas pesquisas de intenções de voto à presidência realizadas até o momento. Doria tem ficado apenas com 2% a 3% da fatia do eleitorado nos levantamentos. Segundo a última pesquisa do Ipespe, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera com 44% das intenções de votos, seguido de longe pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com 24%.Em seguida, os mais citados pelos entrevistados foram o ex-ministro Sergio Moro (Podemos), com 9%, e Ciro Gomes (PDT), com 7%.Doria vem na sequência, com apenas 2% das intenções de voto. Outros três candidatos apareceram empatados com 1%: a senadora Simone Tebet (MDB), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), e Felipe D’Ávila (Novo).

https://br.sputniknews.com/20220120/doria-no-itamaraty-o-que-o-presidenciavel-tucano-tem-a-oferecer-em-politica-externa-21094505.html

são paulo

Sputnik Brasil

[email protected]

+74956456601

MIA „Rosiya Segodnya“

2022

Sputnik Brasil

[email protected]

+74956456601

MIA „Rosiya Segodnya“

notícias

br_BR

Sputnik Brasil

[email protected]

+74956456601

MIA „Rosiya Segodnya“


https://cdnnbr1.img.sputniknews.com/img/07e6/02/0b/21354695_100:0:2831:2048_1920x0_80_0_0_26b22c0cee318d8f94aa870bcabcb411.jpg

Sputnik Brasil

[email protected]

+74956456601

MIA „Rosiya Segodnya“

presidência, joão doria, psdb, candidatos, eleições, governador, partido, são paulo, palácio dos bandeirantes

Nos siga nogoogle-news

Uma ala do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) está insatisfeita com a candidatura à presidência do governador de São Paulo, João Doria, e deseja trocar o nome da legenda para as eleições de 2022, afirmou a colunista Natuza Nery, do G1, nesta quinta-feira (10).

A articulista
cita que, neste momento, há uma ”
conspiração tucana a todo vapor” e que o horizonte eleitoral de Doria “está ficando cada dia mais nebuloso”.

Natuza Nery escreve que o plano de seus adversários no partido é esperar o governador deixar o Palácio dos Bandeirantes, em abril, para, então, abandoná-lo.

Segundo ela, suas fontes do PSDB afirmam que a ideia é “simplesmente não homologar a
candidatura de Doria” à presidência da República na convenção do partido, marcada para julho.
De acordo com a colunista, o nome escolhido no partido para
substituí-lo na disputa seria o de
Eduardo Leite, que perdeu as prévias da sigla para Doria.

O governador de São Paulo não emplacou nas pesquisas de intenções de voto à presidência realizadas até o momento. Doria tem ficado apenas com 2% a 3% da fatia do eleitorado nos levantamentos.

Segundo a última pesquisa do Ipespe, o ex-presidente
Luiz Inácio Lula da Silva (PT)
lidera com 44% das intenções de votos, seguido de longe pelo presidente
Jair Bolsonaro (PL), com 24%.

Em seguida, os mais citados pelos entrevistados foram o ex-ministro Sergio Moro (Podemos), com 9%, e Ciro Gomes (PDT), com 7%.

Doria vem na sequência, com apenas 2% das intenções de voto. Outros três candidatos apareceram empatados com 1%: a senadora Simone Tebet (MDB), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), e Felipe D’Ávila (Novo).

Governador de São Paulo, João Doria, fala à mídia sobre a vacinação contra coronavírus (COVID-19) no Instituto Butanta em São Paulo, Brasil, 16 de agosto de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 20.01.2022

Doria no Itamaraty: o que o presidenciável tucano tem a oferecer em política externa?

Leave a Reply